A vida em Koh Samui – Morando na Tailândia


Um dia quando estávamos no Hawaii assistindo TV após um longo dia, assistimos um programa interessante mostrando casais procurando lugares para morar na Tailândia. E para nossa surpresa, o que vimos foram casas super legais com preços muito baixos! Pelas nossas contas, com o nosso aluguel de 1 mês em Honolulu, podíamos pagar 3 meses de aluguel em Koh Samui. Além de a ilha ser linda, o custo de vida era baixo. E então eu disse: bóra pra Tailândia?! E foi aí que mudamos todos os planos outra vez! 🙂

Mais ou menos uma semana depois, estávamos partindo pra Tailândia por alguns meses, além de ter incluído no roteiro uma visita ao Japão! Mas isso é tema para os próximos artigos!

Antes de chegar em Koh Samui, ficamos em Bangkok, Phuket e Koh Phi Phi (essa não queriamos ir embora mais!). E vocês devem ter visto porque no post anterior.

Dizer como é morar na Tailândia, mais precisamente em Koh Samui, é uma tarefa fácil. Posso resumir que é uma vida simples, e com uma qualidade muito boa.

Então, falando um pouco dos custos de nossa breve passagem de pouco mais de 2 meses pela Tailândia.

Custo aluguel

Replay Residence

Arrumamos um lugar pra morar em Bophut, o nome do condomínio era Replay Residence Samui. Pra ter uma idéia, esse residencial era tipo um flat, e tinha piscina, academia, quadra… E o preço? Essa era a melhor parte, uns R$60,00 por noite. E fica em frente a praia de Bophut.

Transporte

Beco Samui

Para andar pela ilha, o melhor é ter uma scooter. Para alugar scooter na Tailândia é bem tranquilo, além de barato. Alugamos por mês, e aí é negociar o preço com quem está alugando. O aluguel de uma moto dessas custa em torno de 200 Thai Baht por dia. Isso equivale a quase R$20,00.
Na hora de alugar não foi exigido habilitação ou qualquer documento que comprove que você sabe dirigir. Então se você não tem muita experiência, tome cuidado, e prefira taxi. O sentido para dirigir na Tailândia é mão inglesa, e pode confundir um pouco no início.

Alimentação

food

As compras fazíamos no Tesco. Alimentação na Tainlândia é bem barata, tanto para comprar no mercado ou para comer na rua. Normalmente é tão barato comer na rua, que nem vale a pena ficar cozinhando em casa. Mas os lugares bons para se comer são as “Walking streets”, espécie de feirinha que tem tudo. E para comer nas barracas dessas feiras você vai gastar o equivalente a uns R$3,00.  Existem restaurantes com um custo um pouco maior, e claro, os mais top caso queira comer algo mais requintado! A gente vivia numa boa com Pad Thai, frango e salada de papaya! No mercado sempre comprávamos frutas,  arroz, macarrão e ovo. Aí rolava um filé de frango ou atum enlatado pra acompanhar.

Mas, o que tem para fazer em Koh Samui?!

Vou listar aqui alguns lugares legais para vocês visitarem quando passarem pela ilha.

  • Praia de ChawengChaweng Beach
    Essa praia é bem localizada na área do agito de Koh Samui. Chaweng tem muitos restaurantes, bares e hotéis. É onde você vai quando quer curtir a vida noturna em Samui. É uma praia ampla,  mas muito bom pra um mergulho!
  • Praia de MaeNamMaenam beach
    Essa é a praia que mais curtimos passar o dia. Além de bonita (como todas no sul da Tailândia), é bem tranquila, sem muitas pessoas e com muitos coqueiros para conseguir uma boa sombra. E sombra na praia é importante, principalmente no calor da Tailândia e aquele Sol escaldante.
  • Praia de LamaiLamai beach
    Lamai nós iamos com frequencia também, muito bonita e sempre passava um vendedor de milhos e frutas por ali. Milho assado na hora, ou um abacaxi bem fresquinho! Até uma massagem pra relaxar tinha, mas não é novidade estando na Tailândia. Qualquer esquina tem massagem!
    O que é chato é não achar uma sombra para ficar, e aí fica difícil ficar torrando naquele Sol por muito tempo. Minha estratégia era ir pro mar e ficar por lá!  Mas queima do mesmo jeito!
  • Fisherman’s Village Walking Street
    Fishermans Village
    Todas as sextas-feiras a noite era sagrado irmos ao fisherman’s village! Moravamos bem próximo a vila, e de moto era rapidinho. Sexta-feira na vila era assim: muita gente pra lá e pra cá, música, e muitas barraquinhas vendendo de tudo! Mas o que faziamos lá era comer! Comer, e comer muito barato! Uma salada de papaya apimentada e o pad thai não podiam faltar! Com aproximadamente R$3,00 você compra um pad thai e sai satisfeito! 🙂 Também dava para experimentar uns insetos fritos, tipo escorpião, e uns bichos do broto de bambú. Bom, esses nós passamos, não dava apetite! Ah! E o sorvete de côco que eles vendem lá é uma delícia!
  • Central Festival
    É um shopping center que foi inaugurado em Março de 2014. É uma boa opção para dar uma volta, comer em algum restaurante, tomar um sorvete. Se quiser fazer compras, lojas não faltam! De vez em quando jogávamos um fliperama por lá também! É um lugar bem movimentado, principalmente a noite, quando as ruas de Chaweng estão cheias de gente.
  • Big Buddha
    Big BuddahO templo do Big Buddha é conhecido localmente como Wat Phra Yai. Uma estátua de 12 metros, que foi construída em 1972, e contiua sendo uma das principais atrações  da ilha de Koh Samui. Nós chegamos de barco, mas dizem que quando se chega de avião é possível ver o Buda lá de cima. Se você for visitar o grande Buda logo cedo, poderá presenciar algo mais cultural, a hora em que os devotos levam oferendas, como frutas, flores e incensos.
  • Wat Plai LaemGuanyin
    Esse é um templo com características chinesas, e possui uma grande estátua de Guanyin, a deusa da compaixão. O templo possui um lago com muitos peixes, e você pode fazer uma doação e eles te dão uma ração para alimentar os peixes. Os arredores do templo é muito tranquilo e convidativo para um pouco de meditação. Fica bem próximo ao Big Buddha, dá pra visitar os dois no mesmo passeio.

canelando em Samui
Em Koh Samui tem muitas outras praias para se ficar o dia inteiro, as principais são Chaweng, Lamai, Maenam e Bophut. Tem também as menos conhecidas por serem as praias dos hotéis e resorts, e que se tiver tempo vale muito a pena conhecer.

E aí? Ainda em dúvida se vale a pena ir pra Tailândia? Te garanto que não vai se arrepender! 🙂